Vida Urbana


Facebook cria recursos para prevenção de suicídio

 Ferramentas trazem alternativas para ajudar amigo com pensamentos suicídas.




Setembro é marcado pela prevenção do suicídio. Por isso, várias instituições estão fazendo a sua parte e aderindo à causa. O Facebook lançou algumas ferramentas em parceria com psicólogos, psiquiatras, pesquisadores e pessoas com conhecimento em prevenção de suicídio para ajudar quem tem pensamento suicida. As ferramentas estão dentro da Central de Segurança da empresa, em um espaço focado no bem estar na Internet.

Toda essa campanha e aplicativos direcionados se deve aos especialistas afirmarem que uma das melhores maneiras de evitar suicídios é fazer com que a pessoa em difculdade ouça pessoas que se preocupam com ela.

"O Facebook tem uma função única, por meio das amizades no site, de conectar pessoas em dificuldade com pessoas que podem ajudar. Ajudar a criar um ambiente seguro e comunidades de apoio dentro e fora do Facebook faz parte do nosso esforço contínuo. Queremos ajudar, esteja você preocupado com um membro da família ou tendo pensamentos suicidas", posicionou-se a empresa em declaração oficial.

Este recurso possui três focos. O primeiro é direcionado à pessoa que tem pensamentos suicídas e ele funciona de forma simples. Quando você compartilha algum conteúdo que indique pensamentos suicídas, sua tela é redirecionada para uma outra demonstrando formas de ajudar. A empresa indica formas de abordar um amigo ou familiar que está passando por momentos difíceis, disponibiliza o contato de linhas de apoio e dá dicas de como aliviar a mente em momentos assim.

No caso de você estar preocupado com um familiar ou amigo, o Facebook tem outra alternativa. "Se seu amigo está em risco imediato, ligue agora para os serviços de emergência locais. Não espere", está no texto de orientação. Além disso, o texto explica formas de abordar a pessoa com pensamentos suicidas, indicando formas de procurar sinais de aviso e mostrando o que perguntar em casos assim.

Na área de recursos, a empresa direciona para as linhas de atendimento do Centro de Valorização da Vida (CVV), que atende 24h por dia via e-mail, chat ou pelo telefone 141, de maneira gratuita e 100% anônima. É importante lembrar que se alguém está passando por momentos difíceis e tem pensamentos como este deve procurar ajuda imediatamente. Não existem problemas pequenos demais para pedir ajuda.