Vida Urbana


Grupo explode agência bancária e faz três reféns em Brejo do Cruz

Assaltantes buscavam o acesso ao cofre da agência, mas os explosivos destruíram apenas os caixas eletrônicos que estavam vazios.




Divulgação: Sargento Coelho
Divulgação: Sargento Coelho

Um grupo de pelo menos 15 homens explodiu uma agência bancária do Bradesco na madrugada deste domingo (3) na cidade de Brejo do Cruz, na região do Alto Sertão da Paraíba. Durante a ação, o grupo manteve três pessoas reféns em frente ao prédio da agência. Apesar do estrago provocado no local pelos explosivos, nenhuma quantia em dinheiro foi levada segundo a Polícia Militar. 
 
De acordo com informações repassadas pelo Sargento Coelho, da 2ª Companhia da Polícia Militar de Brejo do Cruz, o grupo chegou na cidade em duas caminhonetas. As três pessoas reféns foram encontradas pelos assaltantes no Centro da cidade e foram mantidas reféns na frente da agência. “O grupo chegou na cidade em dois veículos caminhonetes e encontrou um comerciante e dois funcionários que estavam se preparando para vender verduras nesta manhã. Eles foram levados pelos suspeitos e colocados na frente da agência como escudo de proteção em caso da polícia chegar no local, enquanto os explosivos eram instalados”, disse.
 
O objetivo do grupo, segundo Sargento Coelho, era chegar na área de acesso ao cofre da agência. “Os caixas eletrônicos estavam sem dinheiro. Como a explosão não atingiu o cofre da agência, o grupo acabou fugindo e o objetivo não foi alcançado”, ressaltou. 
 
Após a tentativa frustrada de explosão ao cofre, o grupo fugiu nos veículos com destino ao estado do Rio Grande do Norte. Vários tiros foram disparados pelos assaltantes na saída da cidade. Os três reféns foram liberados após a ação e não tiveram nenhum ferimento. Até o fechamento desta matéria nenhuma informação sobre a localização dos suspeitos foi confirmada pela Polícia Militar. 
 
Veículo Incendiado 
 
Um veículo incendiado foi encontrado pela Polícia Militar de Brejo do Cruz na manhã deste domingo (3), mas ainda não há informações se o fato tem alguma relação com o caso da explosão. O caso também está sendo investigado.