Vida Urbana


Aplicativo mostra projetos e gastos dos deputados federais paraibanos

Ferramenta foi desenvolvida durante o 3º HackFest Contra a Corrupção.




Tiago Bernardino/Jornal da Paraíba
Tiago Bernardino/Jornal da Paraíba
Equipe foi uma das medalhistas de prata da 3ª edição do HackFest Contra a Corrupção

Você sabe quais são as últimas propostas apresentadas pelos deputados federais paraibanos? .Se não sabe, pode consultá-las no aplicativo 'Os Políticos', que mostra também os gastos dos doze representantes da Paraíba na Câmara Federal. A ferramenta foi medalhista de prata na terceira edição do 'HackFest Contra a Corrupção', que terminou na última sexta-feira (18).

'Os Políticos' e demais ferramentas desenvolvidas durante o evento estão disponível no site EuFiscalSegundo um dos desenvolvedores, Jefferson Cunha, no aplicativo é possível encontrar todos os gastos de um determinado político, além de descobrir se foi com imprensa, gráfica, alimentação ou com gasolina.

"A ferramenta permite avaliar que tipo de gestão está tendo aquele parlamentar, se ele estão mais preocupado em mostrar aquilo que está fazendo ou está disposto a aproveitar bem aquele dinheiro", comentou.

Por meio do aplicativo é possível, ainda, descobrir de forma detalhada como foram direcionados os recursos da cota para exercício da atividade parlamentar de cada deputado.

O deputado Rômulo Gouveia, por exemplo, foi o representante dos paraibanos que mais gastou – até o momento, ele desembolsou R$ 301.611,47 através do famoso cotão. Entre os maiores gastos dos deputados em geral, estão aqueles com  divulgação do mandato parlamentar – neste requisito, o mais "gastador" é Wellington Roberto, que destinou 70,81% dos seus cotão para dar publicidade às suas atividades como parlamentar.

O aplicativo foi desenvolvido por Cassio Cabral, Jefferson Cunha, Victor Ximenis, Matteus Silva e Ithanyê Almeida. Segundo a equipe, a ferramenta foi desenvolvida para despertar o senso crítico da sociedade.

"O nosso objetivo paira em torno da facilitação do acesso dessas informações ao público para estimular o interesse do cidadão brasileiro em sua função de fiscalizador do Estado. Remeter o poder que, do povo emana e ao povo deve servir, às suas vistas", afirma.

Os alunos de publicidade e propaganda da Instituto de Educação Superior da Paraíba (Iesp), Petrucio, Edenia e Virginio, também participaram do HackFest Contra a Corrupção e criaram um vídeo explicativo sobre a ferramenta. Confira o vídeo que explica seu funcionamento:


HackFest

O ‘HackFest Contra a Corrupção’ é uma maratona hacker de programação, promovida pelo Ministério público da Paraíba (MPPB) que pretende por meio do desenvolvimento de soluções tecnológicas, envolver a sociedade no combate à corrupção. Programadores, estudantes e profissionais ligados ao desenvolvimento de softwares, e também das áreas de Direito, Administração, Gestão Pública, Design e Arte/Mídia estiveram reunidos em 17 equipes em junho, desenvolvendo softwares e apresentando ideias para futuros aplicativos que ficarão à disposição da sociedade.