Vida Urbana

Morre no Trauma de CG mulher que teve o corpo queimado no Sertão

Vítima estava internada em estado grave n UTI. Suspeito do crime está sendo procurado.




Morreu neste domingo (30) no Hospital de Trauma de Campina Grande, a mulher que foi vítima de uma tentativa de homicídio e teve 40% do corpo queimado, após um homem jogar gasolina e tocar fogo nela, na cidade de Catolé do Rocha, no Sertão paraibano. Ela estava internada na UTI, em estado grave, desde o dia 23.

O corpo de Samaria Silvestre, 26 anos, foi liberado pelo Hospital de Trauma e deverá ser sepultado nesta segunda-feira (31) na cidade de Catolé do Rocha.

A mulher estava em um bar, quando se levantou para ir ao banheiro. Neste momento, um homem se aproximou, jogou gasolina sobre o corpo dela e ateou fogo, fugindo em seguida. Imagens das câmeras de segurança de um posto de combustíveis flagraram o suspeito comprando a gasolina em uma garrafa e levando para o local onde ocorreu o crime.

O autor do crime foi identificado como Fernando Mendes e está sendo procurado pela Polícia Civil, que disponibiliza o número 197 para qualquer denúncia sobre o paradeiro do dele. O sigilo da ligação é garantido.