Vida Urbana

Seis pessoas ficam feridas durante tiroteio após assalto a igreja

Criminosos queriam roubar a caminhonete de um dos fiéis da igreja.




Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba
Criminosos bateram carro roubado em uma árvore

Seis pessoas ficaram feridas durante um tiroteio na noite deste domingo (30), na cidade de Cuité, no Curimataú paraibano. Segundo informações da Polícia Militar, quatro bandidos encapuzados, fortemente armados e usando roupas do exército, invadiram uma igreja evangélica e tentaram roubar uma caminhonete de um dos fiéis, que seria um empresário.

O veículo deveria ser utilizado para prática de assaltos na região. Quatro pessoas que estavam saindo do culto foram rendidas e levadas na caminhonete como reféns, mas alguém conseguiu ligar para a polícia, que chegou rápido e iniciou uma perseguição e troca de tiros com os suspeitos por várias ruas da cidade.

Os reféns que estavam na caminhonete eram duas mulheres, um homem e uma criança de apenas um ano e meio. Durante o tiroteio dois bandidos, três reféns e um policial ficaram feridos. As vítimas só foram liberadas após uma intensa negociação que durou mais hora, já os bandidos acabaram colidindo a caminhonete após serem interceptados por outras viaturas. Os feridos foram socorridos para o Hospital de Trauma de Campina Grande, já os outros dois bandidos conseguiram fugir.

Dentre os baleados, a vítima que está com o estado mais grave é Manoel dos Santos da Silva, 54 anos. As mulheres são Lidiane Anulino da Silva, 29 anos, Laura Emília Macedo Venancio, 21 anos, que não se encontram em estado grave. A criança não ficou ferida.

O policial baleado é Ailson Reginaldo de Oliveira, 29 anos. Já os dois criminosos feridos são Igor Terlandio de Oliveira, 22 anos, e Vanderson Fabio da Silva, 29 anos.