Vida Urbana


Polícia prende suspeito de matar enfermeira em Campina Grande

Homem também é acusado de cometer outro assassinato.




Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba

Foi preso na tarde desta quinta-feira (26) no bairro de Bodocongó, em Campina Grande, o homem suspeito de assassinar a tiros a enfermeira Marcilene Marque Bezerra no bairro das Três Irmãs, na mesma cidade. O crime aconteceu no domingo (23), quando a mulher estava organizando, junto com amigos, um chá de bebê.

Carlos Henrique de Oliveira foi preso em flagrante, portando um revólver calibre 38, arma que possivelmente foi usada para cometer o assassinato da vítima. Ele tentou fugir da abordagem policial, mas foi rendido pelos agentes.

Durante depoimento à Polícia Civil, Carlos confessou a autoria da morte da enfermeira. Esse não é o único crime imputado a ele. Segundo a polícia, ele também é apontado como autor do assassinato de Artur Cunha Araújo, crime ocorrido dentro de um bar localizado na Rua Almirante Barroso, no Bairro Santa Cruz, no dia 14 de maio de 2016.

A Polícia Civil concede uma entrevista coletiva nesta quinta-feira (27) para detalhar as investigações que levaram à prisão de Carlos Henrique.