Vida Urbana

Escolas municipais de Santa Rita serão monitoradas por câmeras

Equipamento deverá estar em funcionamento em 90 dias. 




As 42 escolas da rede municipal de Santa Rita serão monitoradas através de um sistema de câmera de patrulhamento de segurança. Ao todo serão 800 câmeras espalhadas, além de patrulheiros em carros e motos fazendo a atividade preventiva. A assinatura simbólica do contrato de prestação do serviço foi assinado nesta sexta-feira (7) pelo prefeito Emerson Panta (PSDB), que antecipou que posteriormente o sistema será estendido para creches, CRAS, CREAS e unidades de saúde.

O monitoramento terá alarme de sensores nas unidades e câmeras 24 horas interligadas a um sistema inteligente, que captura informações minuto a minuto através do centro de operações de controle. A empresa prestadora do serviço será responsável pela instalação e manutenção dos equipamentos, como também pelo treinamento de pessoal que vai operar o sistema, previsto para operar em até 90 dias.

Durante a solenidade, o gerente geral da empresa, Allan Monteiro, explicou a operacionalidade do monitoramento e destacou que o sistema a ser montado nas escolas de Santa Rita já funciona de forma exitosa em outros estados. “No Amapá, por exemplo, conseguimos uma redução significativa da violência e um importante combate às drogas e à exploração sexual infantil”, assegurou o gerente, acrescentando que em todos os casos é estabelecida uma parceria fundamental com as polícias Civil e Militar.

Para Emerson Panta, esta ação pioneira vai garantir segurança do patrimônio e da comunidade, contribuindo para o desenvolvimento do trabalho pedagógico e administrativo nas escolas. “Mais do que inibir a violência, estamos defendendo a educação. Vamos proporcionar melhor qualidade do ensino para que professores, diretores, alunos, pais e familiares se sintam tranquilos sabendo que na escola há segurança e proteção”, afirmou.