Vida Urbana


Grupo armado explode agência bancária de Caiçaras

Explosão aconteceu na madrugada desta quarta-feira (5).




Uma agência bancária na cidade de Caiçaras, na região do Agreste da Paraíba foi alvo de explosão durante a madrugada desta quarta-feira (5), por um grupo formado por 10 homens. Os assaltantes chegaram na cidade em três veículos e foram direto para agência, onde acionaram os explosivos e invadiram o local. 

De acordo com informações da Polícia Militar, a ação do grupo aconteceu rapidamente e ainda não há confirmação se foi levada alguma quantia em dinheiro.
 
Após o registro da ocorrência, a Polícia Militar foi acionada e iniciou o trabalho de rondas nas proximidades do município, mas, até fechamento desta matéria nenhum suspeito havia sido localizado. 
 
Policiais da 8ª Delegacia Seccional de Polícia Civil de Guarabira também foram acionados e estão na cidade, para auxiliar o trabalho de investigação sobre o caso.
 

Posto bancário e agências dos Correios

Um posto de atendimento bancário foi arrombado e teve o caixa eletrônico explodido por um grupo armado na madrugada desta terça-feira (8) em Aroeiras, no Agreste paraibano. Moradores próximo do local informaram a Polícia Militar que, pelo menos, 12 homens armados invadiram o local e detonaram o caixa.

Até o momento a polícia não tem informação se os bandidos chegaram ao compartimento que guarda o dinheiro e levaram alguma quantia, mas, na fuga, explosivos não detonados foram deixados no posto. 

A Polícia Militar isolou a área e uma equipe do Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) foi acionado para fazer a retirada dos explosivos encontrados. A polícia segue fazendo rondas nas proximidades da cidade, mas até às 6h50 ninguém havia sido preso. 

Na semana passada outro posto de atendimento bancário teve o caixa explodido na cidade de Boa Ventura, quando um grupo de cinco homens detonou o único posto de atendimento da cidade na madrugada da quinta-feira (29). Também na semana passada foram registrados três ataques em agências dos Correios em Boqueirão, Lagoa Seca e Lagoa.