Vida Urbana

Homem é detido após tentativa de atear fogo em mulher e sufocar bebê

Caso foi registrado, no bairro de Bodocongó, em Campina Grande.




Arquivo
Arquivo
Homem responderá pelo crime de violência doméstica, segundo delegada

Um homem foi detido nesta terça-feira (20), pela Polícia Militar, suspeito de tentar atear fogo na mulher, sufocar o filho de um ano e dois meses. De acordo com a polícia, as vítimas também eram mantidas em cárcere privado, no bairro de Bodocongó, em Campina Grande.
 
O caso foi registrado pelo Comando de Policiamento Regional (CPR-I), após denúncia e solicitação de reforço ao Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE), que conteve o homem e encaminhou para delegacia. 
 
No momento da prisão, o suspeito havia discutido com a mulher e se apresentava nervoso, o que dificultou a ação da polícia. De acordo com a delegada Mulher de Campina Grande, Maria Sileide, responsável pela investigação do caso, o homem foi autuado em flagrante e responderá pelo crime de violência doméstica.
 
Após o registro da ocorrência, o suspeito foi encaminhado para carceragem da polícia, onde ficará a disposição da Justiça até a realização da audiência de custódia. A investigação sobre o caso deve ser concluída nos próximos 30 dias.