Vida Urbana

Safadão, Xand, Gabriel Diniz e forrozeiros lamentam morte de Eliza Clívia

Cantora morreu nesta sexta-feira, em Sergipe, vítima de acidente de trânsito.   




 A morte da cantora paraibana, Eliza Clívia, vítima de um acidente de trânsito na tarde desta sexta-feira (16), em Aracaju, Sergipe, causou comoção entre vários artistas do segmento do forró. A artista, que já havia feito parte das Bandas Cavaleiros do Forró e Forró Cavalo de Aço, estava há quatro meses investindo na carreira solo e tinha programação de show em várias cidades do Nordeste nesse período junino, inclusive em Caaporã, região Metropolitana de João Pessoa, no próximo dia 23 de junho. 

O cantor Gabriel Diniz, que fez apresentação no São João de Campina Grande nesta quinta-feira (15), foi umdos primeiros a lamentar a morte da cantora em seu perfil um uma rede social. 

 

 

Um dos principais artistas do universo "forrozeiro", o cantor Wesley Safadão também lamentou a morte de Eliza Clívia. 

 

O cantor paraibano Luan Estilizado também comentou a morte de Eliza Clívia. Em seu perfil no Instagram, ele comentou que acordou na manhã desta sexta-feira cantando uma das músicas da cantora e que ficou surpreso ao ser informado da morte pelo celular.

 

Quem também lamentou a morte da cantora foi Xandy da banda Aviões do Forró. Tratando Eliza como amiga, ele destacou que a sua voz deverá continuar embalado os "forrozeiros mundo afora".

 

O cantor Mano Walter, que tocou no último dia 7 de junho no Maior São João do Mundo, também postou em seu perfil no Instagram sobre a morte da cantora.  

 

Vai em paz minha amiga, que DEUS lhe receba de braços abertos e conforte seus familiares e sua legião de fãs e amigos... #DiaTriste #Luto 😔🙏🏼

Uma publicação compartilhada por Mano Walter 🎤 (@mano_walter) em

 

A banda Limão com Mel tambpem divulgou nota sobre a morte da cantora em sua página no Facebook.