Vida Urbana


Transferência de internos do Lar do Garoto para o Sertão é suspensa

Apenas 10 jovens foram transferidos para João Pessoa. Inicialmente,  17 internos deixariam a unidade.




Após dez internos do Centro Socioeducativo Lar do Garoto, em Lagoa Seca, serem transferidos na manhã desta quinta-feira (8) para uma unidade de João Pessoa, a direção da unidade afirmou que não haverá mais transferências. Inicialmente, o número de internos que deixariam o local era de 17, pois sete iriam para Sousa.

Segundo o diretor interino do Lar do Garoto,  Francisco Souza, haverá apenas a transferência dos dez reeducandos que já viajaram para a capital. A transferência dos que iriam para Sousa, no Sertão do Estado, foi suspensa. A direção da unidade não deu maiores detalhes sobre essa decisão..

A equipe de reportagem do JORNAL DA PARAÍBA, tentou entrar em contato com o presidente da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente Alice de Almeida (Fundac), Noaldo Meireles, mas ele  estava em uma reunião e não pôde atender as ligações.

Desde o último fim de semana, o Centro Socioeducativo Lar do Garoto, em Lagoa Seca vive momentos de tensão. No sábado (3),  foi registrada uma rebelião que resultou em sete mortes e seis  fugas de jovens que cumprem medidas socioeducativas na unidade. Na quarta-feira (7), quatro reeducandos, fugiram após serrarem os cadeados dos quartos da unidade. Um fugitivo foi recapturado.