Vida Urbana

Saúde revela queda do número de casos de dengue em Campina Grande

De janeiro a abril deste ano, notificações da doença caíram de 232 para 24. 




Divulgação/Codecom-CG
Divulgação/Codecom-CG
Agentes intensificam nos bairros combate ao Aedes aegypti

A Secretaria de Saúde de Campina Grande registrou uma queda no número de casos de dengue no primeiro quadrimestre de 2017 em comparação com o mesmo período de 2016. De janeiro a abril deste ano foram notificados 24 casos, enquanto que nos quatro primeiros meses do ano passado foram 232. Isto representa uma queda de quase 90% no número de notificações da doença.

Do total de notificações, apenas 3 casos foram confirmados da dengue em 2017. Em 2016, foram 42 registros positivos da doença. Os dados ainda não estão consolidados para a Zika e a Chikungunya.

A Coordenadora de Vigilância Ambiental, Rossandra Oliveira, atribui a diminuição da ocorrência dos casos de dengue à queda da infestação do mosquito, apontada no último Levantamento do Índice de Infestação Rápido por Aedes aegypti (LIRAa). Foram encontrados focos do mosquito em 4,9% das casas visitadas. O primeiro levantamento de 2017 tinha apontado um índice de 7,9%.

O levantamento foi realizado entre os dias 24 e 28 de abril. No LIRAa anterior, 9 bairros tinham ficado com índices acima dos 10%. Desta vez, apenas dois bairros apresentaram números tão altos.