Vida Urbana

Família é presa suspeita de matar homem há 22 anos em Pernambuco

A PM disse que a vítima tinha um caso com uma criança de 13 anos. 



Uma família de cinco pessoas foi presa na tarde de terça-feira (14), na cidade de Bonito de Santa Fé, no Sertão da Paraíba, acusada de ter matado um homem na cidade de São José do Belmonte, em Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime ocorreu há 22 anos e os suspeitos estavam foragidos todo esse tempo. Já havia um mandado de prisão em aberto.

Ainda conforme a PM, os presos são um casal de idosos de 70 e 76 anos e três filhos que teriam envolvimento na morte da vítima. A PM informou que o casal se reuniu para matar o homem porque ele mantinha um relacionamento com uma filha deles de apenas 13 anos.

A PM disse, ainda, que a idosa de 70 anos foi levada para um presídio feminino em Verdejante, em Pernambuco, e o idoso com os três filhos foram encaminhados para uma penitenciária de Salgueiro, também no estado vizinho.

Sobre a menina de 13 anos, hoje adulta, os policiais informaram que ela constituiu família na cidade de Bonito de Santa Fé.

A prisão foi realizada por policiais militares e civis de Pernambuco com o apoio da PM da Paraíba, em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela Vara Única da Comarca de São José do Belmonte.