Vida Urbana

Campanha quer ajudar bailarina a representar o Brasil em Nova Iorque

Maria Eduarda é a única representante da Paraíba na competição que está marcada para o início do mês de abril.




Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba
Sem condições financeiras para custear viagem, amigos e professores estão se mobilizando para angariar fundos para a bailarina competir fora do país.

Escolhida para representar o Brasil em uma competição internacional na cidade de Nova Iorque, uma bailarina natural de Queimadas, corre o risco de não conseguir competir por falta de condições financeiras. Amigos e professores estão se mobilizando para angariar fundos e assim, pagar as desepesas da viagem.

Maria Eduarda tem 13 anos e desde os cinco dança balé. A bailarina é bolsista em uma escola de dança particular na cidade de Campina Grande. Em 2016 ela foi classificada em uma seletiva nacional para representar o país em uma competição considerada o 'Oscar' do balé.

Para a jovem essa é a oportunidade de viver seu sonho. “Eu sempre sonhei com isso e é o que eu desejo fazer para sempre. Ter a oportunidade de estar entre os melhores bailarinos do mundo é uma sensação inexplicável”, disse Eduarda.

Ela é a única representante da Paraíba na competição que está marcada para o início do mês de abril e como a família da bailarina não tem condições financeiras, professores e amigos estão correndo contra o tempo promovendo vaquinhas e rifas na internet.

Neste fim de semana será realizado uma programação especial no Teatro Severino Cabral, com workshops e espetáculos. O que for arrecadado com a venda dos ingressos, será revertido para a viagem.

Para a professora, Fernanda Barreto, esta é uma oportunidade única para Eduarda realizar um sonho e levar o nome da Paraíba para fora do Brasil. “É uma oportunidade maravilhosa para as pessoas ajudarem nossa aluna a ser vista por grandes nomes da dança e grandes escolas de balé e quem sabe galgar algo maior pra que ela consiga viver do que ela sonha e levar o nome do nosso estado junto”, disse.