Vida Urbana

Mutirão vai renegociar dívidas de 15 mil usuários da Energisa em Campina Grande

 As audiências acontecem a partir da próxima segunda-feira (28), no Açude Novo das 8h às 17h.



Maria Socorro e Silva
Maria Socorro e Silva

Um mutirão de negociação de contas de energia elétrica atrasadas acontece a partir desta segunda-feira (28), em Campina Grande. Cerca de 15 mil usuários vão poder quitar suas dívidas com a Energisa, empresa concessionária de energia elétrica na Paraíba. As sessões de conciliação vão até o dia 2 de dezembro.

As audiências acontecem no Açude Novo, por trás do Terminal de Integração, no Centro da cidade, das 8h às 17h, sem pausa para almoço e são realizadas em uma parceria com o Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), por meio do Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação e da Coordenadoria dos CEJUS's da 2ª região em Campina Grande.

As pessoas jurídicas também poderão ser beneficiadas pelo mutirão, isso porque foi organizada uma banca específica para atendimento destes usuários, na Associação Comercial de Campina Grande, situada na Av. Floriano Peixoto, onde também serão realizadas sessões de conciliação com o objetivo de quitar dívidas.

“Estamos saindo dos nossos ambientes forenses para atender em praça pública, com a finalidade de proporcionar um atendimento facilitado ao cidadão, ajudando-o a resgatar a sua dignidade, muitas vezes atingida pelo superendividamento”, disse a Juíza Ivna Mozart, completando que a medida ajuda a reduzir o quantitativo de demandas judiciais.

Além de negociar débitos, os clientes vão assistir palestras sobre o consumo seguro e eficiente de energia e realizar o seu cadastro no aplicativo 'Energisa On', que funciona como uma agência virtual de atendimento, nos smartphones.