Vida Urbana

MP-Procon fiscaliza promoções de lojas na 'Black Friday'

Órgão vem monitorando preço de 300 produtos em lojas físicas e virtuais.



Para tentar evitar que a 'Black Friday' se transforme em 'Black fraude', o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público da Paraíba (MP-Procon) vai fiscalizar onze lojas físicas localizadas em João Pessoa nesta sexta-feira (25). As fiscalizações vão contar com o apoio da Polícia Militar e da Polícia Civil da Paraíba. Além dos estabelecimentos físicos, também vão ser alvos da ação 12 lojas virtuais que participam da liquidação.

Desde setembro deste ano, a equipe técnica e o setor econômico do MP-Procon vêm monitorando o preço de aproximadamente 300 produtos nesses estabelecimentos físicos e virtuais, através de pesquisas semanais que ocorreram até o último dia 22 de novembro. Cada estabelecimento recebeu 10 visitas semanais da equipe.

De acordo com o promotor de Justiça de Defesa do Consumidor e diretor do MP-Procon, Francisco Glauberto Bezerra, a ideia é verificar, através desse monitoramento de preços, se houve prática comercial abusiva com uso de propaganda enganosa por parte dos estabelecimentos no “Black Friday”, além da prática de crimes contra a ordem econômica e relação de consumo, previstos na Lei 8.137/90.