Vida Urbana

Polícia prende quarto suspeito de participação na morte de Vivianny Crisley

 Jarlisson Cardoso do Nascimento participou de audiência e foi encaminhado ao Presídio do Roger.



Foi preso na manhã desta quarta-feira (23) o quarto suspeito de participação no homicídio da vendedora Vivianny Crisley, de 29 anos. A informação foi confirmada pelo superintendente da Polícia Civil em João Pessoa, delegado Marcos Paulo.

 
Segundo o delegado, o homem preso nesta terça, Jarlisson Cardoso do Nascimento, é irmão de outro suspeito de participação no assassinato, Jobson Barbosa da Silva Júnior. Jarlisson participou de uma audiência de custódia no Fórum de Mangabeira na tarde desta terça. Outros dois suspeitos, Jobson Barbosa e Fagner das Chagas Silva, também participaram da sessão.
 
A Polícia Civil não divulgou detalhes da participação de Jarlisson no crime. O suspeito foi enviado para o presídio do Róger, em João Pessoa, onde deve permanecer até o final do processo.
 
 
A jovem Vivianny desapareceu no dia 21 de outubro, depois que saiu de uma casa de shows, na zona sul de João Pessoa. No dia 11 de novembro, o estoquista Alex Aurélio Tomas dos Santos, 22, foi apresentado pela Delegacia de Crimes contra a Pessoa (Homicídios) da Capital, como um dos suspeitos e os nomes de Jobson e Fagner, divulgados como participantes do crime de homicídio, que se confirmou após exame de DNA realizado no corpo que foi encontrado no dia 7 de novembro, na divisa entre os municípios de Bayeux e Santa Rita.