Vida Urbana

Vândalos arrombam túmulo do ex-prefeito de Tavares

Outros túmulos também foram violados e restos mortais retirados



Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba
No túmulo também estava sepultado um filho do ex-prefeito

O túmulo do ex-prefeito da cidade de Tavares, no Sertão do Estado, Manoel Leite da Silva, foi arrombado no cemitério do município. Outros túmulos também foram danificados e restos mortais retirados. A suspeita é de que o caso tenha ocorrido no último fim de semana, mas as informações só foram confirmadas na segunda-feira (21).

Manoel Leite da Silva foi prefeito de Tavares na década de 1990 e morreu no ano de 2008. No mesmo túmulo em que ele estava sepultado também estavam os restos mortais de um filho dele, Cláudio Leite.

De acordo com o artigo 210 do código penal, violar ou profanar sepultura é crime. A pena varia de um a três anos de prisão. O caso do último fim de semana ainda não foi registrado na delegacia da cidade, mas a possibilidade do ato criminoso ter motivações políticas foi descartada pela polícia.