Vida Urbana

João Pessoa está entre as capitais do NE com maior variação no preço da cesta básica

Dado foi divulgado Banco do Nordeste; capital paraibana está a frente apenas de Aracaju e Fortaleza.



João Pessoa está entre as capitais nordestinas que apresentaram maior variação no preço da cesta básica. O dado, divulgado nesta quinta-feira (17), vem de um levantamento do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), órgão de pesquisas do Banco do Nordeste.

De acordo com a pesquisa, nos últimos 12 meses, a capital paraibana teve variação de 23,1%, ficando na frente apenas de Aracajú (29,8%) e Fortaleza (24,2%). O Etene mostrou, ainda, que no mesmo período, Natal, Recife e Salvador apresentaram os menores índices, 18,5%, 17,9% e 17,3%, respectivamente.

Já em relação a outubro, apenas três capitais apresentaram aumento no valor da cesta básica: Aracaju (1,6%), Maceió (2,1%) e São Luís (0,9%). Em Teresina e Salvador, observaram-se redução de -1,8% e -1,7%, respectivamente, em comparação a setembro.

Nordeste

Na variação em 12 meses, a cesta básica do Nordeste ficou no mesmo patamar que a variação da cesta nacional, 21,0% para 20,7%. Na comparação mensal, ela encerrou outubro custando R$ 388,39, apresentando uma leve queda: - 0,3%.

Esta redução deve-se, conforme o Etene, principalmente às variações negativas de -4,4% no preço da banana (peso de 9,7% na cesta mensal); de -4,7% no preço do feijão (peso de 12,6%) e -1,6% no preço do leite (peso de 6,8%). Os aumentos mais relevantes ocorreram na carne (1,6%), açúcar (3,9%) e arroz (2,4%).