Vida Urbana

Dia Nacional de Mobilização contra a Dengue conta com ações em João Pessoa

Evento está marcado para o dia 25 deste mês e terá série de orientações sobre prevenção, além de aplicação de inseticidas em diversos locais.



Divulgação
Divulgação
Segundo SMS, serão empregados cerca de 200 agentes de endemias para o evento

Para reforçar o papel da população na luta contra a dengue, Zika Vírus e Chikungunya, que são doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa está organizando uma série de ações educativas e de prevenção para o Dia Nacional de Mobilização contra a Dengue, marcado para o dia 25 deste mês.

“Nós sempre orientamos a população a vigiar suas casas e não deixar somente por conta do poder público. Para combater a dengue e evitar a proliferação do Aedes aegypti é necessário que cada um faça a sua parte”, lembrou a bióloga e chefe da Seção de Controle da Água do Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses da SMS da Capital, Ivonete Marques.

Ela informou ainda que serão empregados cerca de 200 agentes de endemias para o evento. Os profissionais farão orientações aos proprietários dos estabelecimentos e ainda a aplicação de inseticidas, se for necessário. “Também vamos fazer um trabalho educativo em algumas escolas do município, porque as crianças são agentes multiplicadores da campanha. Será um verdadeiro ‘faxinaço’”, acrescentou a bióloga.

Após o ‘Dia D’, a proposta do Ministério da Saúde é que essa força tarefa de combate ao Aedes aegypti seja realizada todas as sextas-feiras até o início do verão.

O último levantamento do Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) mostrou que João Pessoa está classificada como de baixo risco para a reprodução do mosquito. Com um Índice de Infestação Predial (IIP) de 0,3%, a Capital tem um, a cada 300 imóveis, com risco para a reprodução do inseto. Mesmo assim, de acordo com a SMS, é essencial que a população continue fazendo a sua parte com relação às medidas preventivas.

Denúncias

Em caso de suspeita de focos do Aedes aegypti em terrenos ou imóveis fechados, os moradores da Capital podem contactar o Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses da SMS através dos números telefônicos 0800-282-7959 e 3214-5718 ou ainda enviar um email para coessmsjp@gmail.com.