Vida Urbana

Homem é assassinado dentro de ambulância do Samu

Vitima estava sendo transferida para o hospital sofrer acidente de moto.



Um homem não identificado foi morto a tiros enquanto era socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), na noite de quarta-feira (9), na cidade de Queimadas, no Agreste Paraibano. A informação da Polícia Militar (PM) é de que a vítima havia recebido atendimento após sofrer um acidente de moto na cidade de Aroeiras, na mesma região, e quando estava sendo socorrido ao hospital de Queimadas bandidos abordaram a ambulância, atiraram e mataram o homem. Funcionários do Samu conseguiram fugir e não ficaram feridos.

Conforme as informações preliminares do Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), o homicídio ocorreu por volta das 20h30, no momento em que o Samu fazia a transferência de uma vítima de acidente de moto e a ambulância foi abordada por dois homens em uma moto e armados. Segundo o Ciop, os suspeitos invadiram o veículo e atiraram cinco vezes contra a cabeça do paciente, que não teve a identidade revelada. A vítima morreu na hora.

No momento dos disparos, os socorristas que estavam na ambulância conseguiram fugir e não foram atingidos pelos tiros.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil (PC), que ainda não repassou nenhuma informação complementar sobre o crime. Até a publicação desta matéria não havia informações de que alguém foi preso ou identificado por participação no homicídio.

Homicídio em Campina Grande

Um jovem de 20 anos foi morto por disparos de arma de fogo na rua Maximiano Machado, no Bairro do José Pinheiro, em Campina Grande. Segundo a PM, o crime aconteceu por volta das 19h40, e a vítima, identificada como Rafael Costa Santos Pereira de Lima, foi morta por quatro tiros que atingiram a orelha, testa e pescoço. Também neste caso, não há informações de presos ou identificados por ter participado do assassinato.