Vida Urbana

Polícia prende homem suspeito de fabricar e vender munições

Com ele, que foi preso em flagrante, foram encontradas mais de mil unidades de munição de armas de fogo.



Divulgação
Divulgação
Dentro da casa a polícia apreendeu chumbo, pólvora, espoletas e cápsulas vazias

Um homem de 62 anos suspeito de comercializar munições foi preso na manhã desta terça-feira (8) em Pombal, cidade do Sertão paraibano. Com ele, que foi detido em flagrante, a polícia encontrou mais de mil unidades de munição de armas de fogo de vários calibres e ainda cerca de 100 quilos de material para fabricação e recarga de munições.

O homem já estava sendo investigado, segundo a delegada Patrícia Forni. “Ele já era investigado há muito. Fizemos a representação na justiça pra solicitar os mandados de busca e apreensão, que foi aceito pela justiça e estávamos apenas esperando o melhor momento para cumprir”, afirmou. Acredita-se que o homem vendia as munições há anos.

Segundo a delegada, apesar da grande quantidade de materiais encontrados, o local não era usado como fábrica de munições. “Achamos os insumos para fabricação, mas não havia os equipamentos para realizar a montagem das munições”, explicou. Dentro da casa a polícia apreendeu chumbo, pólvora, espoletas e cápsulas vazias. Além desse material foram apreendidas unidades de munição de calibre 32, 38, 380, 12, .44, 9 milímetros e fuzil. A maior parte das munições era de calibre 32 e 38.

Homem está preso na carceragem da Delegacia de Polícia Civil, em Pombal. Ele vai ser encaminhado para audiência de custódia. O material apreendido também foi encaminhado para a delegacia, na mesma cidade.