Vida Urbana

Uber passa a aceitar pagamentos em dinheiro em João Pessoa

Segundo a Uber, é uma forma de aumentar as possibilidades de pagamento e oferecer vantagens ao usuário.



Divulgação
Divulgação
Uber aceita pagamento em dinheiro em 18 cidades brasileiras, e a partir de junho disponibilizou para cidades do Nordeste

O Uber vai aceitar pagamentos em dinheiro nas viagens em João Pessoa a partir da próxima terça-feira (8). Segundo a gerente de comunicação da empresa, Letícia Mazon, é uma forma de aumentar as possibilidades de pagamento, oferecendo mais vantagens aos clientes. A Uber começou a operar em João Pessoa no dia 21 de setembro. E causou diversas polêmicas, como taxistas perseguindo passageiros, além da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) multando e apreendendo parceiros da empresa. No dia 21 de outubro, a Justiça proibiu taxistas de abordarem motoristas do Uber.

Ainda conforme Letícia, em junho deste ano o Uber foi questionado pelo Procon de Fortaleza sobre o aplicativo não aceitar pagamentos em dinheiro, e os clientes também questionavam sobre as dificuldades de usarem apenas cartão de crédito no cadastro. Com isso, a empresa passou a analisar a oferta da nova forma de pagamento na região Nordeste.

Segundo dados do Uber, no Nordeste, mais especificamente em Fortaleza, Recife e Salvador, cidades onde o aplicativo era presente até o momento, 60% dos usuários que tinha baixado o aplicativo paravam o cadastro no momento de colocarem os dados do cartão de crédito, seja porque era inválido, por falta de limite ou por recusa. "Eles tinha smartphone, tinham o  Uber, mas não conseguiam finalizar o cadastro por causa da forma de pagamento", explicou a gerente de comunicação.

A partir desses dados, o Uber tomou a decisão de oferecer o pagamento em dinheiro nas cidades do Nordeste, e em junho passou a oferecer essa nova forma de pagamento nas cidades nordestinas. De acordo com Letícia, o retorno foi imediato, havendo um aumento de 90% no número de cadastros novos. "Se 100 pessoas se cadastraram antes de aceitar pagamento em dinheiro nessas cidades, depois de aceitar [pagamento] em dinheiro 190 se cadastraram", exemplificou.

Pagamentos em dinheiro já são aceitos em 18 cidades do Brasil. Entre elas, São Paulo, Rio de janeiro e Belo Horizonte. Os parceiros também gostaram da atualização no sistema de pagamento do Uber, passando a aceitar pagamentos em dinheiro. Em Belo Horizonte, por exemplo, 24 horas depois da aceitação do pagamento em dinheiro, 70% dos parceiros locais procuraram a empresa para saber como funcionaria esse novo processo.

Pagamento aos parceiros
Sobre o pagamento dos parceiros, a Uber cobra uma taxa de 25% por viagem. O pagamento via cartão de crédito é repassado semanalmente para os parceiros pelo Uber. Com o pagamento em dinheiro, Letícia explica como vai funcionar.

"É como se o motorista contratasse a Uber para se conectar aos usuarios. Eles pagam uma taxa de 25% por viagem. No dinheiro fica o mesmo, a taxa não vai mudar", salientou Letícia. Acrescentando que "o que vai acontecer é que vamos descontar das corridas em cartão o percentual que seria para recebermos em dinheiro”. Para evitar o depósito de dinheiro, o transporte do dinheiro pelos parceiros, e outros transtornos provenientes desse repasse caso fosse manual.