Vida Urbana

Motorista que atropelou adolescente se apresenta à polícia

Motorista disse que percebeu que bateu em algo, mas não sabia em quê.



Walter Paparazzo/G1
Walter Paparazzo/G1
Menina estava indo para a escola quando foi atropelada

O motorista que provocou o atropelamento de uma estudante de 13 anos na quinta-feira (30) se apresentou à polícia na manhã desta terça-feira (5). De acordo com informações da delegada Roberta Neiva, o motorista disse que não parou por não ter certeza do que se tratava o objeto atropelado. "Ele disse que percebeu que teria batido em algo, mas não tinha certeza do que se tratava, se era uma pessoa ou um animal, e por conta disso não parado”, afirmou.

O motorista foi identificado pela Polícia Civil e, na segunda-feira (4), intimado para depor, comparecendo nesta terça-feira na companhia do advogado. O veículo envolvido no acidente foi apresentado pelo motorista e passou por perícia durante a manhã desta terça-feira. O motorista deve ser indiciado por homicídio culposo no trânsito, por omissão de socorro e ter fugido do local do acidente.

A adolescente morreu no local do acidente após ser atropelada quando atravessava a Avenida Hilton Souto Maior, no bairro de Mangabeira VI, em João Pessoa. No momento do acidente, a menina foi arremessada e com o impacto e caiu no canteiro central da avenida, próximo a uma árvore. Segundo testemunhas que viram o acidente, o motorista do carro envolvido no atropelamento chegou a parar metros depois do trecho onde ocorreu a colisão, mas em seguida foi embora sem prestar socorro.

A adolescente usava a farda de uma escola municipal de João Pessoa e possivelmente estava caminhando em direção à escola. Ela morava próximo ao local onde ocorreu o acidente.
 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.