Vida Urbana

MEC confirma início do Sisu 2020 para esta terça e prazo vai até o domingo

Na Paraíba estão sendo ofertadas mais de 15 mil vagas em cursos da UFPB, UEPB, UFCG e no IFPB.




Imagem: Reprodução Sisu

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes, confirmaram na tarde desta segunda-feira (20) que as inscrições do primeiro semestre para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vão abrir nesta terça-feira, apesar das inconsistências na correção de cerca de 6 mil provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

Após as reclamações dos alunos, o Ministério da Educação mudou o prazo final para inscrições no Sisu 2020. Antes era a sexta-feira (24) e agora vai até às 23:59 do próximo domingo (26). Segundo o ministro, os problemas nas correções das provas aconteceu principalmente no segundo dia de Enem, quando foram aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias, no entanto, não há registro de reclamações por parte de candidatos da Paraíba.

Na Paraíba, a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) devem ofertar, ao todo, mais de 15 mil vagas em vários cursos superiores por meio do Sisu. Os candidatos também podem disputar vagas em outras 124 instituições de ensino superior e técnico públicas do país.

Na UFPB, o bacharelado em Medicina no campus João Pessoa tem a nota de corte mais alta da instituição (790,72), enquanto o curso de licenciatura em Matemática, em Rio Tinto, tem a nota de corte mais baixa (545,74). Assim como na UFPB, o curso de bacharelado em Medicina lidera o ranking de notas de corte mais altas na UFCG, no campus Campina Grande, com 789,10. Já o curso de Tecnologia em Agroecologia, no campus Sumé, tem a nota de corte mais baixa da instituição, com 547,32.

O curso com a maior nota de corte da UEPB é o bacharelado em Ciências da Computação, em Campina Grande, com 741,95. A licenciatura em Ciências Agrárias no campus Catolé do Rocha foi o curso com menor nota de corte na instituição (548,75). Já no IFPB, o curso com a maior nota de corte foi o de Medicina Veterinária no campus Sousa (682,54), e a nota mais alta foi o curso de Tecnologia em Agroecologia no campus de Picuí teve a nota de corte de 538,74.

As inscrições no Sisu acontecem na página do sistema na internet, e fazem uso da nota do Enem 2019. Os candidatos podem escolher até duas opções de cursos na mesma instituição ou em instituições diferentes. As maiores notas têm mais chances de conseguir conquistar uma vaga. Todas as notas de corte podem ser consultadas aqui.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.