Vida Urbana

Justiça determina retorno da circulação de ônibus em Campina Grande

Decisão foi da juíza Ana Carmem Pereira Jordão e atende pedido da STTP




Frota de ônibus em Campina Grande amanheceu parada nesta sexta-feira (14)

Uma decisão liminar da juíza Ana Carmem Pereira Jordão, de Campina Grande, determinou no fim da manhã desta sexta-feira (14) o retorno imediato da circulação dos ônibus que fazem o transporte coletivo no município. O pedido foi feito pela Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) da cidade e tem por objetivo garantir o funcionamento do sistema que pontos críticos, como nas proximidades de hospitais e outros estabelecimentos.

>>> Policial militar agride estudante em Campina Grande durante atos da ‘Greve Geral’

A paralisação dos ônibus faz parte dos atos da ‘Greve Geral’, que acontece em todo o país e tem ações acontecendo em João Pessoa e Campina Grande. No início da manhã 100% da frota ficou parada. Até as 11h30 desta sexta-feira, o Sindicato ainda não foi notificado oficialmente da decisão.

Pela decisão, o Sindicato dos Motoristas de Ônibus ficam obrigados a assegurar o funcionamento de 90% da frota que tiver como rotas hospitais e unidades de saúde da cidade. Além disso, a entidade também deve fazer funcionar 80% das demais linhas em horários de pico (6h às 9h e 17h às 19h) e 60% das linhas em outras rotas.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.