Vida Urbana

Justiça autoriza CBTU a retomar cobrança de passagem de trem com reajuste em João Pessoa

Atualmente, passagem custa R$ 0,50; reajuste tinha sido suspenso em novembro.




Passagem tinha voltado a ser R$ 0,50 em novembro de 2018 (Foto: Arquivo)

Uma decisão da Justiça Federal em Minas Gerais liberou o reajuste da tarifa de trem na Grande João Pessoa. O aumento de 100% tinha sido suspenso judicialmente em novembro de 2018. Com a decisão, divulgada nesta terça-feira (23), a passagem deve voltar a ser R$ 1,00, valor que entrou em vigor no dia 11 de maio do ano passado.

O reajuste havia sido suspenso através de uma ação civil pública que questionou o valor aplicado no metrô de Minas Gerais e ampliou os efeitos para outras quatro capitais do Nordeste, entre elas João Pessoa. Com isso, o valor na capital paraibana voltou para R$ 0,50.

Agora, de acordo com informações da CBN de Minas Gerais, o desembargador federal Carlos Moreira Alves justificou que a CBTU não consegue cobrir nem a metade dos custos de operação com os recursos próprios.

A CBTU alega que não promoveu mudanças no preço da passagem nos últimos 12 anos e por isso sofre com os efeitos da inflação. O desembargador federal determinou que a CBTU apresente as justificativas para o aumento da tarifa com os dados que comprovem essa perda inflacionária.

Quando o reajuste foi anunciado, em maio do ano passado, a CBTU disse que em João Pessoa as tarifas estavam congeladas há 15 anos.

Procurada, a superintendência da CBTU em João Pessoa disse que ainda não sabe quando o valor reajustado vai voltar a ser aplicado. A medida vai ser decidida pela presidência da Companhia.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.