Vida Urbana

João Pessoa é a 2ª cidade com melhor bem-estar do Nordeste, aponta pesquisa

Estudo avaliou mobilidade urbana, condições ambientais e habitacionais, serviços coletivos urbanos e infraestrutura.



Francisco França
Francisco França
Capital paraibana só fica atrás de Aracaju na região, e é a 13º no ranking nacional

João Pessoa é a segunda capital com o melhor bem-estar do Nordeste, segundo levantamento do Observatório das Metrópoles, coordenado pela UFRJ. O estudo revela o Índice de Bem-Estar Urbano (Ibeu) das cidades do Brasil.

Para traçar os números, o estudo avaliou cinco indicadores de qualidade: mobilidade urbana, condições ambientais, condições habitacionais, serviços coletivos urbanos e infraestrutura. Em João Pessoa, o Índice de Bem-estar Urbano é de 0,7992. A cidade onde o sol nasce primeiro só fica atrás de Aracaju (SE), que tem um índice de 0,8214.

Tempo de deslocamento de casa para o trabalho serviu de parâmetro para avaliar a mobilidade urbana; as condições ambientais foram avaliados por arborização, esgoto a céu aberto e lixo acumulado; condições habitacionais foi avaliado pelo número de pessoas por domicílio e de dormitórios; os serviços coletivos urbanos são os atendimentos adequados de água, esgoto, energia e coleta de lixo; e infraestrutura.

Confira o ranking completo das capitais do Nordeste:

1) Aracaju – 0,8214 (7º no Brasil)
2) João Pessoa – 0,7992 (13º no Brasil)
3) Fortaleza – 0,7819 (14º no Brasil)
4) Recife – 0,7758 (15º no Brasil)
5) Salvador –  0,7719 (16º no Brasil)
6) Natal – 0,7383 (18º no Brasil)
7) Teresina – 0,7218 (20º no Brasil)
8) Maceió – 0,7036 (21º no Brasil)
9) São Luís – 0,7003 (22º no Brasil)


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.