Vida Urbana

Hotel Ouro Branco, prédio de concessionária e Hospital Clipsi vão a leilão

Imóveis são avaliados, juntos, em R$ 80 milhões; evento acontece no dia 30 deste mês. 




Hotel Ouro Branco e o prédio onde funciona uma concessionária, em João Pessoa, e o Hospital Clipsi, em Campina Grande, vão a leilão no dia 30 deste mês. Os imóveis são avaliados, juntos, em R$ 80 milhões. O evento acontecer, a partir das 9h, de três maneiras: presencial, em João Pessoa; por videoconferência, em Campina Grande, Sousa, Monteiro, Patos e Guarabira; e virtual para as demais cidades.

Confira detalhes do evento na página da organizadora

Conforme o edital do leilão, o Hotel Ouro Branco está avaliado em R$ 34 milhões, já o prédio da Clipsi em R$ 27 milhões e o prédio onde funciona a concessionária da Fiat, na avenida Ruy Carneiro, em R$ 19 milhões. Os bens poderão ser arrematados por um preço mínimo a partir de 50% do valor da avaliação, de acordo com o Novo Código de Processo Civil.

O leilão vai contar, ainda, com apartamentos, casas, lotes e outros prédios comerciais, além de automóveis, peças de vestuário e outros bens como mobília, combustíveis, máquinas industriais e celulares.

Para participar do leilão, é necessário ter, no mínimo, 18 anos. "Para os lances virtuais, no entanto, é necessário se cadastrar junto ao leiloeiro, até 24 horas antes da hasta pública. Os interessados devem acessar o edital no site Leilão Eficaz, onde constam os dados dos pregoeiros", explica o diretor de Secretaria da 5ª Vara Federal, Helio Aquino.

O evento se repete no dia 13 de junho, às 9h, também em João Pessoa, com as transmissões nas modalidades telepresencial e virtual. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.