Vida Urbana

Preso homem suspeito de matar avó da esposa e ferir sogra e mulher

Delegado diz que o suspeito, Joseano Santos Oliveira, estava tranquilo e descarta surto psicótico.




Joseano Santos deve participar de audiência de custódia nesta segunda-feira

O município de Areial, no Agreste da Paraíba, foi palco de uma tragédia familiar na noite deste sábado (23). O comerciante Joseano Santos Oliveira, de 36 anos, é suspeito de esfaquear a esposa e a sogra e matar a mãe da sogra, Maria Alves Cordeiro Sampaio, de 78 anos. Esta morreu na manhã deste domingo (24), no Hospital de Trauma de Campina Grande.

O delegado Lamartine Lacerda descartou que Joseano tenha tido surto psicótico
A esposa do suspeito, Cíntia Cordeiro Sampaio, 33 anos, já recebeu alta médica, enquanto a sogra, Marinete Belo Cordeiro, 55 anos, continua internada no Hospital de Trauma, se recuperando dos ferimentos.

Cena do crime

Maria Alves Cordeiro, Joseano Santos e Cíntia Cordeiro chegaram em Areial, na quinta-feira (21), vindo do Rio de Janeiro. Eles iriam comemoram o aniversário neste domingo de Cíntia, na casa da mãe dela, Marinete Belo Cordeiro. Foi lá que o crime aconteceu.

A Polícia Militar foi acionada, no sábado à noite. Quando chegou ao local, Joseano estava sentado no sofá e as vítimas trancadas em um banheiro após serem esfaqueadas. O suspeito foi preso em flagrante e levado para delegacia, enquanto as mulheres foram socorridas para o Hospital de Trauma.

O delegado da Polícia Civil, Lamartine Lacerda, interrogou Joseano, que forneceu os dados pessoais, mas preferiu ficar em silêncio ao ser indagado sobre a motivação do crime. “Ele informou os dados pessoais, mas não quis falar sobre a motivação do crime. Estava muito tranquilo, não teve um surto psicótico. Informalmente, ele disse apenas que estava irritado no momento e desferiu os golpes de faca”, informou o delegado.

Audiência de custódia

Nesta segunda-feira (25), Joseano Santos será levado para uma audiência de custódia, na Comarca de Esperança. Se a Justiça decretar a prisão, ele será levado possivelmente para o complexo penitenciário do Serrotão, em Campina Grande.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.