Vida Urbana

Estudantes da UFPB são finalistas em premiação nacional para empreendedores

Empresa Júnior levou a UFPB a estar entre as dez melhores IES.




Uma microempresa de consultoria, desenvolvida por estudantes da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), é finalista em um dos maiores programas de incentivo ao empreendedorismo do País. A empresa júnior Otimize Consultoria foi escolhido na categoria “Universidade & Microempreendedor”, que tem como foco apoiar as microempresas, por meio de capacitações de Instituições de Ensino Superior (IES) que também tenham esse objetivo.

A Otimize Consultoria concorre com outras nove IES. O vencedor será escolhido em uma solenidade nesta terça-feira (10), em um evento em São Paulo. O projeto com o melhor desempenho receberá R$ 20 mil do Empreenda Santander. O valor será dividido da seguinte forma: R$ 5 mil vão direto para o empreendimento e os R$ 15 mil restantes devem ser usados pela iniciativa universitária para aplicar no plano de capacitação elaborado pela IES.

Conheça o projeto

O estudante de Engenharia de Produção Mateus Lins, diretor de Gestão Integrada da Otimize Consultoria, conta que a equipe decidiu se inscrever para realizar um impacto positivo no Estado e na Universidade. A empresa júnior já trabalhava levando soluções para micro e pequenas na região de João Pessoa e arredores, mas viu no projeto uma oportunidade diferenciada.

“Nosso maior desafio foi a distância, pois as empreendedoras que capacitamos não moram na cidade de João Pessoa, e sim num raio de 150 km. Mesmo assim conseguimos realizar os nove treinamentos, sendo dois nas próprias empresas, pois precisávamos conhecer o ambiente de trabalho delas”, explica Lins.

Quem mais se destacou e concorre aos R$ 5 mil foi Juliana Amorim, proprietária da Julie’s Confeitaria. “Ao final dos treinamentos, vimos a mudança positiva na vida das empreendedoras e ficamos com um sentimento de dever cumprido. Penso que é muito importante quebrar as barreiras do empreendedorismo no Brasil e quero continuar contribuindo para isso”, diz.

Concorrentes

As dez iniciativas selecionadas já realizam ações diretas com foco em desenvolvimento e fomento ao empreendedorismo. Todas receberam treinamento da Aliança Empreendedora, organização que apoia o desenvolvimento desse setor. Durante a capacitação, os envolvidos com as iniciativas aprenderam a metodologia da organização, colocando em prática com microempreendedores selecionados na sua região.

“Quando compartilhamos conhecimento e metodologias com esses acadêmicos o resultado intelectual é incrível. Se forma uma rede ainda mais preparada e forte na disseminação da cultura empreendedora em diferentes regiões e esse é o grande legado do programa”, explica a coordenadora de projetos da Aliança Empreendedora, Luci Vieira.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.