Vida Urbana

Estudante tem até novembro para cadastrar biometria facial

Quatro postos de atendimento do Sintur-JP realizam o cadastramento.




Desde o final de setembro, o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP) está atualizando o cadastro dos estudantes usuários de ônibus da capital. A atualização cadastral, que está sendo feita por conta da mudança do sistema de biometria digital para facial, deve ser realizada até o dia 10 de novembro. O prazo foi estabelecido para agilizar o processo, pois apenas pouco mais de 8.950 estudantes realizaram o procedimento.

Para atender a demanda, o Sintur-JP está com quatro postos de atendimento oferecendo o serviço: Sede (Rua 13 de maio, Centro); Terminal de Integração do Varadouro, Mercado Público de Mangabeira e na UFPB. A mudança no sistema biométrico permitirá maior agilidade no embarque, além de garantir mais segurança para os usuários e reduzir a possibilidade de fraudes.

“Já temos ônibus nas ruas com os novos validadores. O aluno que pegar um coletivo com o sistema facial basta aproximar o cartão do leitor e não precisa mais colocar o dedo. Enquanto a atualização do cadastro de todos os estudantes não for concluída ninguém vai ser impedido de embarcar. Nossa previsão é começar 2019 com a biometria facial 100% operante”, explica o Diretor Institucional do Sintur-JP, Isaac Junior Moreira.

Após o término da atualização cadastral dos estudantes, o sindicato vai iniciar o procedimento com outras categorias de usuários de ônibus que têm direito à gratuidade. O novo sistema é exclusivo para passageiros com benefício.

Postos para cadastro da biometria facial:

Sede (Rua 13 de maio, Centro)

Segunda a sexta – 7h30 às 17h
Sábado – 8h às 12h

Terminal de Integração do Varadouro

Segunda a sexta – 8h às 17h
Sábado – 8h às 12h

Mercado Público de Mangabeira

Segunda a sexta – 8h às 17h
Sábado – não funciona

UFPB

Segunda a sexta – 9h às 17h
Sábado – não funciona


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.