Vida Urbana

Em São Bento: MP proíbe venda de bebidas alcoólicas em festas juninas em escolas

Promotor Osvaldo Lopes diz que legislação vedada a comercialização nas unidades escolares de educação infantil e básica.




Promotor Osvaldo Lopes quer coibir que estudantes bebam em escolas nas festas juninas

A Promotoria de Justiça de São Bento expediu recomendação aos diretores e vice-diretores das escolas públicas dos municípios de São Bento e Paulista para que não efetuem a venda de bebidas alcoólicas em festas ou eventos realizados pelas instituições de ensino.

Segundo o promotor de Justiça Osvaldo Lopes, a recomendação foi expedida porque há notícias de que estabelecimentos públicos de ensino pretendem comercializar bebidas alcoólicas em suas dependências por ocasião de festas juninas e outros eventos.

Além disso, se aproxima o período de festas juninas e as escolas da rede pública de São Bento e Paulista contemplam, em regra, em sua programação curricular atividades pedagógicas que preveem a realização de festas alusivas ao tema.

O promotor destaca na recomendação que o artigo 243 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) preceitua que a venda de bebidas alcoólicas à criança e à adolescente configura crime. Também é destacado que a Lei n° 8.681/07 determina que é vedada a comercialização bebidas alcoólicas, nas cantinas das unidades escolares que atendam a educação infantil e básica.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.