Vida Urbana

Em relatório, ANA diz que quatro barragens da PB estão impróprias; AESA contesta

Os locais ficam em Mucutu, Cachoira dos Cegos, Queimadas e Saulo Maia.




Foto: Rosa Santa Cruz/Arquivo Pessoal

De acordo com o Relatório de Segurança de Barragens (RSB) de 2018, divulgado nesta quinta-feira (12) pela Agência Nacional das Águas (ANA), quatro barragens da Paraíba apresentam condições inadequadas para funcionamento. Os locais estão nas regiões de Mucutu, Cachoira dos Cegos, Queimadas e Saulo Maia, e estão com problemas de erosão, drenagem e hidromecânica inoperante, conforme o relatório da ANA.

O relatório pode ser conferido na íntegra aqui.

Ainda de acordo com o relatório da ANA, há 909 barragens no País que possuem tanto a Categoria de Risco como o Dano Potencial Associado altos, o que representa 19% das barragens classificadas. Em relação ao relatório anterior, houve aumento de 26% das barragens classificadas nas duas categorias: DPA alto e CRI alto.

À TV Paraíba, o diretor da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba, Porfírio Catão, informou que os problemas de três das quatro barragens mencionadas no relatório já foram resolvidos, e por isso, não apresentam riscos à região. Os reparos da barragem de Mucutu, única que ainda apresenta falhas, ainda estão sendo realizados.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.