Vida Urbana

Com condições precárias, unidade de Saúde de João Pessoa está interditada há 40 dias

Durante fiscalização, CRM-PB apontou uma série de irregularidades no local.




Foto: Divulgação/CRM-PB

Interditado há 40 dias, o Posto de Saúde da Família Cruz das Armas V, em João Pessoa, continua sem atender pessoas que procuram atendimento médico. A ação foi tomada pelo Conselho Regional de Medicina (CRM), após uma fiscalização realizada no último dia 27 de novembro. De acordo com a entidade, os médicos ainda não voltaram às atividades e a Secretaria Municipal de Saúde não informou em quanto tempo os problemas serão normalizados.

Durante a vistoria, uma equipe formada por membros do CRM e do Ministério Público da Paraíba verificou que a unidade de saúde apresentava condições precárias de atendimento à população, com sala de vacinação imprópria (sem ar-condicionado), paredes com mofo, falta de material e com alguns médicos precisando levar equipamentos para realizar os atendimentos. Outro item apontado como grave pela fiscalização foi a ausência de ventilação nas salas de atendimento e por isso, as consultas estavam sendo feitas com as portas dos consultórios abertas, o que fere o princípio do sigilo profissional.

O diretor de fiscalização do CRM-PB, João Alberto Pessoa, disse que a entidade está aguardando a resolução dos problemas que foram identificados durante a vistoria, para desinterditar os médicos da unidade.

“A população e os profissionais de saúde do PSF precisam de um local adequado para a realização de consultas e atendimento médico. Esperamos que esses problemas sejam resolvidos o mais rápido possível”, falou.

18 unidades interditadas em 2019

A interdição ética proíbe os médicos de atuarem na unidade de saúde até que as inconformidades apontadas pelo Conselho sejam sanadas. Entre as 18 unidades de saúde que tiveram os médicos interditados eticamente em 2019 , apenas no PSF Cruz das Armas V o atendimento médico continua suspenso. Na época da interdição, a Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa informou que a unidade de saúde seria transferida para outro local, o que ainda não ocorreu.

Atendimento médico em outras unidades

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa garantiu que, mesmo sem o atendimento médico acontecendo no PSF Cruz das Armas V, as pessoas estão sendo encaminhadas para outras unidades próximas. Sobre outras especialidades, a SMS afirmou que os procedimentos odontológicos e de enfermagem estão funcionando normalmente.

Veja na íntegra

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa esclarece que o local onde irá funcionar a Unidade de Saúde da Família (USF) Cruz das Armas V está em reforma para otimizar os atendimentos à população e oferecer uma melhor estrutura para os profissionais.
Até a conclusão da reforma do novo local, os usuários continuam recebendo os atendimentos odontológicos e de enfermagem na unidade. Já os atendimentos médicos estão sendo encaminhados para outras unidades localizadas no mesmo bairro.
Por fim, a SMS reafirma o compromisso com a população, garantindo a assistência aos usuários da rede municipal de saúde.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.