Vida Urbana

‘Carentes até mesmo de afeto’

Professora acredita que participação dos pais na aprendizagem dos filhos melhora o rendimento escolar.




Despertar a atenção dos alunos para a importância do ensino não é tarefa das mais fáceis. Para isso, a professora Severina Silva conta com uma importante aliada: a leitura.

As aulas da professora do 3º ano são focadas na produção textual e leitura, o que já atiçou a vontade de aprender em Rayane Michelle, de nove anos.

Olhos atentos no livro de português, a menina se delicia com cada palavra lida e sonha em um dia se tornar médica. “Eu faço a minha tarefa sozinha e sempre gosto de ler em casa. Quando não consigo resolver alguma lição, peço ajuda a minha mãe”, disse a menina.

Na avaliação da professora, apesar de 25% da turma apresentar dificuldades no aprendizado, o resultado obtido é positivo. “Eu acho que a turma segue bem o caminho, mas com a participação dos pais o resultado seria ainda melhor. Algumas crianças são carentes até mesmo de afeto”, concluiu a professora.
 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.