Vida Urbana

Campina Grande e municípios do Sertão registram quatro homicídios

No bairro do Pedregal, bandidos matam motorista de aplicativo e passageiros; jovens são assassinados em Aparecida e Cajazeiras.




Em Campina Grande, Polícia Militar faz buscam para identificar bandidos que mataram motorista de aplicativo e passageiro

A Polícia registrou quatro assassinatos, nesta quinta-feira (18), no interior da Paraíba. Em Campina Grande, o motorista de aplicativo Alan Nogueira da Silva, de 25 anos, foi morto a tiros, no bairro do Pedregal, pela manhã. O passageiro do veículo Samuel Alves da Silva, de 30 anos, foi atingido com um tiro na cabeça e levado para o Hospital de Trauma. No início da tarde, ele morreu.

A delegada de Homicídios, Nercília Dantas, responsável pelo caso, disse que Samuel Alves tinha várias passagens pela polícia. Ainda segundo a PC, uma criança de 7 anos que passava no local foi atingida por um dos disparos. A menina também foi levada para o Hospital de Trauma de Campina Grande, que informou que a criança foi vítima de um disparo na mão. Ela foi atendida e liberada.

A Polícia Militar fez o isolamento do local para a realização da perícia pela Polícia Civil. Nenhum suspeito do crime havia sido identificado e que moradores da região não quiseram falar à polícia. O caso segue em investigação.

Aparecida

No Sertão da Paraíba, Antônio Neto foi morto com vários tiros de arma de fogo por volta das 14h desta quinta-feira (18), na zona rural do município de Aparecida. Segundo a Polícia Militar, o jovem seguia em sua moto quando foi surpreendido por dois acusados que ordenaram que ele parasse, em seguida efetuaram vários tiros de arma de fogo contra a vítima que foi atingida e morreu no local.

Cajazeiras

Na noite de quarta-feira (17), um homicídio foi registrado, na rua Luiz Paulo Silvano, no bairro da Esperança, em Cajazeiras. Um jovem de 24 anos conhecido por “Saci” foi alvejado com diversos tiros na calçada de casa. Dois elementos armados se aproximaram da vítima e efetuaram vários disparos.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.