Vida Urbana

Bombeiro condenado por estupro é expulso da corporação

Cabo foi condenado a 8 anos de cadeia por ter abusado de uma menina de 5 anos




Um bombeiro condenado pelo estupro de uma menina de 5 anos foi expulso da corporação. A decisão, assinada pelo comandante geral do Corpo de Bombeiros da Paraíba, coronel Jair Carneiro, foi publicada na edição desta terça-feira (27) do Diário Oficial do Estado.

De acordo com a portaria que determina a expulsão, o cabo José Marques Simão praticou o crime contra a menina no dia 15 de outubro de 2003. O fato aconteceu na casa do bombeiro, no bairro do Grotão, em João Pessoa. Ele acabou sendo preso em flagrante e levado à delegacia.

Inicialmente, José Marques foi condenado em primeira instância a 10 anos de reclusão. No entanto, a pena foi reduzida para 8 anos pelo Tribunal de Justiça da Paraíba, devendo ser cumprida em regime integralmente fechado.

Segundo a portaria do coronel Jair Carneiro, o cabo não congrega “capacidade para permanecer integrando as fileiras do Corpo de Bombeiros”. O documento ressalta ainda que no Conselho de Disciplina foram respeitados os princípios da ampla defesa e do contraditório, cumprindo todas as formalidades legais.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.