Vida Urbana

Aeroportos de Recife e Natal atingem conceito 4 em satisfação de passageiros

No 2º trimestre deste ano, média geral de satisfação dos terminais pesquisados foi de 4,35.




aeroportosOs passageiros brasileiros e estrangeiros estão satisfeitos com os serviços oferecidos em 18 dos 20 principais aeroportos do país avaliados na Pesquisa de Satisfação do Passageiro, divulgada nesta terça-feira (31) pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Os aeroportos de Recife e Natal, comumente utilizados por passageiros da Paraíba, receberam conceito 4 numa escala de 1 a 5, onde 1 é muito ruim e 5 é muito bom

No 2º trimestre deste ano, a média geral de satisfação dos terminais pesquisados foi de 4,35. A Pesquisa mostrou que 76% dos 38 indicadores de percepção avaliados pelos passageiros nos 20 aeroportos registraram notas médias acima de 4, cumprindo a meta estabelecida pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero). Ao todo, foram ouvidas 20.525 pessoas no trimestre.

Nesta rodada, dos oito aeroportos da categoria que movimentam até cinco milhões de passageiros por ano, o recém-inaugurado terminal de Vitória (ES) teve a maior nota (4,59), seguido de Manaus (AM) e Natal (RN), empatados (4,46). Belém e Florianópolis tiveram as menores notas: 3,97 e 3,69, respectivamente. A média geral da categoria foi de 4,24.

Entre os oito terminais que movimentam de 5 a 15 milhões, Curitiba teve a melhor avaliação no trimestre (4,69), seguido de Viracopos (SP), com nota de satisfação de 4,67. Na opinião dos passageiros, Fortaleza (CE), com 4,23 e Salvador (BA), com 4,27, ficaram nas últimas posições da categoria, que teve média geral de 4,46.

Já os quatro aeroportos que movimentam acima de 15 milhões de viajantes anuais, Brasília (DF) ficou com nota 4,40, seguido de Galeão (RJ), 4,38, Guarulhos (SP), 4,37, e Congonhas (SP) com 4,36. A média do grupo foi de 4,38.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.