São João Paraíba

Maiara defende a participação de todos os ritmos no Maior São João do Mundo

Cantora sertaneja se eterniza na "Calçada da Fama"  e quer 'gregos e troianos' na festa junina. 




Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba
Cantora Maiara deixa marcas de suas mãos na "Calçada da Fama" na Vila do Artesão

A cantora sertaneja Maiara, da dupla Maiara e Maraisa, passou a fazer parte, nesta terça-feira (27), à tarde, do Projeto Mãos na Vila do Artesão, na “Calçada da Fama” , em Campina Grande. Ele defendeu a presença de todos os estilos de músicas no Maior São João do Mundo.

“Eu acho que esse intercâmbio cultural tem que ser feito para mostrar Campina Grande para o Brasil inteiro. Independente de você fazer forró, sertanejo, axé, funk, uma festa deste tamanho tem que ter todos os estilos e agradar a gregos e troianos”, disse Maiara.

A grande presença de sertanejos no São João campinense foi criticada por Elba Ramalho, Alcimar Monteiro e outros forrozeiros, provocando uma grande polêmica. A cantora Marília Mendonça chegou a dizer que sertanejo tem espaço também na festa.

Mãos eternizadas

A “Calçada da Fama” tem a marca das mãos de vários artistas que foram homenageados por contribuírem para a valorização da cultura regional. Maiara foi recebida na Vila do Artesão pelo prefeito Romero Rodrigues e o presidente da AMDE, Nelson Gomes Filho.
A sua irmã, a cantora Maraisa, preferiu descansar para o show, que acontece nesta terça-feira à noite, na cidade de Monteiro. A dupla se apresentou no domingo (25), à noite, no Parque do Povo.