Publieditorial

Prevenção ainda é o melhor remédio

Constata-se cada vez mais a atenção dispensada pelas pessoas com o cuidado com a prevenção como forma de ter qualidade de vida.



Divulgação
Divulgação
Muitos especialistas acreditam que praticar alguma atividade física diariamente ou até mesmo semanalmente é uma saída para prevenir o aparecimento de doenças, além de ser uma forma prazerosa de descontração e lazer

A ideia construída ao longo dos anos de procurar o médico somente após a apresentação de sintomas que indicam a instalação de doenças vem sendo cada vez mais substituída por condutas relacionadas à medicina preventiva. Neste sentido, pode-se afirmar que a máxima antiga: é melhor prevenir do que remediar está sempre atual. Dentro deste contexto, cresce a preocupação com a prevenção de doenças não apenas por parte da população, como também no que diz respeito ao serviço público de saúde.

Constata-se cada vez mais a atenção dispensada pelas pessoas com o cuidado com a prevenção de doenças como forma de ter qualidade de vida. Esta concepção ganha cada vez mais espaço também por parte de uma parcela significativa de médicos, que defendem inclusive a massificação da medicina preventiva no Sistema Único de Saúde, inclusive como forma de desafogar a superlotação na rede pública de saúde diminuindo os gastos.

“Até os 30 anos, só ia a um consultório médico quando estava doente. Não havia consciência da minha parte com relação a procurar um profissional periodicamente para realizar exames que pudessem detectar a possibilidade do aparecimento de doenças. Hoje, com 40 anos, minha visão referente ao assunto é completamente diferente. Periodicamente, vou ao médico para prevenir o aparecimento de doenças”, revelou a empresária Marta Augusta.

Segundo o consultor de promoção da saúde da Unimed JP, o médico sanitarista Hilário Freitas, o conceito sobre a medicina preventiva é tão antigo quanto à história da humanidade. Egípcios e Gregos, por exemplo, já faziam referências à arte da medicina preventiva, isso sem considerar o que pensavam os povos orientais – chineses principalmente – que revelavam uma grande sabedoria como provam suas práticas milenares de tratamento e cura das doenças, fato este que só nas últimas décadas começamos a desvendar seus conhecimentos médicos.

“As ações preventivas como saneamento básico, água tratada e as vacinações dentre outros representam o nível primário de prevenção; no nível secundário, temos a realização de exames para diagnósticos precoces e tratamento imediato das doenças; e no terceiro nível de prevenção temos as ações de reabilitação e reinserção do indivíduo na sociedade. Como podemos notar, de maneira sucinta e esquemática, a medicina preventiva se faz presente, tanto nas ações que se antecipam ao surgimento das doenças, quanto a qualquer momento em que essas se manifestam, seja em seus estágios iniciais, sejam nos estágios mais avançados”, explicou.

Viver Melhor – Espaço de Saúde e Bem-Estar da Unimed JP

Em 2013, a Unimed João Pessoa passou a disponibilizar mais um espaço dentro do projeto de promoção da saúde desenvolvido pela instituição. Trata-se do Viver Melhor – Espaço de Saúde e Bem-Estar que funciona na Av. Piauí, no Bairro dos Estados. O ambiente é dotado de uma excelente estrutura física de 622 metros quadrados de área construída, possuindo três mini auditórios onde acontecem reuniões dos grupos, sala de ginástica, além de piscina estruturada para a prática de atividade física, e ainda cozinha, estacionamento e também sete consultórios reservados para atendimentos, psicológicos e fisioterápicos, contando com equipes de enfermagem, serviço social e nutrição.

No ambiente, desenvolvem-se programas voltados para prevenção, qualidade de vida e acolhimento, como por exemplo, os grupos de educação em saúde que atendem  portadores de diabetes, pessoas que estão acima do peso recomendado e materno-infantil, oferecendo oficinas semanais direcionadas para clientes que se encaixam nesse perfil.

“Desenvolvemos no Viver Melhor – Espaço de Saúde e Bem Estar três Programas de Promoção da Saúde que objetivam estimular os clientes Unimed JP a mudar seu estilo de vida passando a adquirir hábitos mais saudáveis”, relatou o ginecologista e obstetra Genival Ferreira de Lima, assessor de Promoção da Saúde da Unimed João Pessoa.

Genival ressaltou ainda que, no ano de 2014, mais de 900 clientes foram beneficiados com os trabalhos desenvolvidos pelo Viver Melhor, da Unimed JP, além da realização de ações de saúde que incluem a verificação da pressão arterial, teste de glicemia e medição do Índice de Massa Corpórea (IMC), que beneficiaram em torno de 1200 pessoas.

Vida saudável

Muitos especialistas acreditam que praticar alguma atividade física diariamente ou até mesmo semanalmente é uma saída para prevenir o aparecimento de doenças, além de ser uma forma prazerosa de descontração e lazer. Hoje em dia, inúmeras doenças são tratadas com exercícios. Atualmente, até mesmo o portador de doenças cardíacas, que sempre foi à doença que tinha no exercício seu maior ‘fantasma’, é tratado com programas de atividades físicas.

O professor universitário Jailto Luís Chaves, 31 anos, começou a praticar exercícios físicos em 2012, e desde então, se sente muito bem disposto ao longo de todo o dia. “Comecei fazendo natação, mas hoje distribuo o tempo praticando musculação e dança, e sinto-me muito bem. Atingi durante esses anos um excelente condicionamento físico, o que proporciona uma melhor qualidade de vida”, ressaltou.

Outro bom exemplo é da dona de casa Maria de Lourdes Caetano, 64 anos, que é adapta da caminhada e da hidroginástica há mais de 10 anos. “Todos os dias acordo por volta das 5h da manhã para fazer meus exercícios diários. Caminho de segunda a sexta-feira durante meia hora, depois sigo para hidroginástica, essas atividades estão me proporcionando uma vida saudável e com mais qualidade”, frisou.

Pensando em todos esses benefícios gerados pela prática de exercícios físicos, o assessor de Promoção da Saúde da Unimed João Pessoa, Genival Ferreira de Lima, explicou que eles não se restringem a uma menor possibilidade de desenvolver doenças. Para os que já sofrem com elas, a atividade física serve, muitas vezes, como um excelente meio de tratamento. E, além disso, os estudos são unânimes em apontar o prolongamento da vida como um efeito inequívoco da prática regular de exercícios.

Serviço

Programa de Educação em Saúde para o Equilíbrio do Peso – voltado para clientes acima de 18 anos que estão acima do peso;
Programa de Educação em Saúde para o Diabetes – para clientes acima de 20 anos e que tem Diabetes seja tipo 1 ou Tipo 2;
Programa de Educação em Saúde Materno Infantil – direcionado para clientes que estão gestantes;

Para mais informações o cliente Unimed deve ligar para os números 3506-8600 e 3506-8700 ou acessar o portal da Unimed JP e se inscrever na seção do Espaço Viver Melhor ou dirigir-se ao endereço mencionado.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.