Política

Unicef promove Encontro Estadual de Mobilização de Adolescentes em Campina Grande

Durante os quatro dias de eventos, adolescentes de 80 municípios paraibanos estiveram na cidade.




Encontro Estadual de Mobilizadores do Selo UNICEF / Foto: Xico Morais

 

Meninas e meninos de 80 municípios paraibanos estiveram em Campina Grande para participar do Encontro Estadual de Mobilização de Adolescentes do Selo UNICEF, que acontece desde a última terça-feira (03) até esta sexta-feira (06). Temas como inclusão escolar, combate ao racismo, direito ao esporte, alimentação saudável e saúde sexual serão debatidos.

A iniciativa visa garantir a participação de crianças e adolescentes nas discussões sobre os direitos e as políticas governamentais destinadas a esse público nos municípios brasileiros. A programação também conta com oficinas, como a de Design Thinking, que procura fomentar o pensamento criativo e a ação focada na identificação e resolução de problemas do cotidiano.

Nesta edição, o Selo UNICEF propõe a criação do núcleo de cidadania de adolescentes (NUCA), que tem reunido adolescentes de 12 a 17 anos de idade. O grupo irá discutir temas importantes para o desenvolvimento municipal e para a proteção dos direitos das crianças e dos adolescentes, além de implementar ações junto com organizações locais e a gestão pública municipal. 

20ª edição do Encontro Estadual de Mobilizadores do Selo UNICEF / Foto: Xico Morais

O estudante Alencar Souto, de 17 anos, que mora na cidade de Nova Palmeira e veio à Campina Grande para participar do Encontro Estadual de Mobilização de Adolescentes do Selo UNICEF. Para ele, a experiência vivida no evento tem sido incrível pela oportunidade de ouvir várias pessoas de diferentes etnias e gêneros que também participam do Selo e demonstram através das atividades a força do jovem brasileiro.

“Eu aprendi que o jovem deve ter ação dentro de seus devidos direitos, voz diante de uma sociedade tão julgadora e preconceituosa, e principalmente, conseguir estabelecer uma voz dentro da cidade. Vou mostrar aos outros integrantes do grupo que é possível por em prática os desafios, e que a cada dia pode se estabelecer metas pra serem cumpridas dentro do núcleo de forma ativa.”, comentou Alencar.

Já Fernando Soares, da cidade de Sapé, esteve no lugar dos adolescentes e hoje é um dos mobilizadores do Selo UNICEF em seu município. Ele conta que foi inspirado por um psicólogo, e como já trabalhava em projetos sociais desenvolvidos na cidade, passou a ser mobilizador. “Quando ele conheceu o Selo, me indicou para ser um dos mobilizadores, assim que atingi 18 anos. Na época eu já trabalhava com crianças e adolescentes através dos projetos sociais que existem dentro do município, e ganhei destaque e fui indicado para de tornar mobilizador.”, comentou Fernando.

Em Sapé, o jovem e a equipe de seu núcleo realiza atividades com psicólogos, juízes, promotores, através de palestras sobre políticas públicas. O trabalho conseguiu criar uma rede de 36 escolas do municípios, e todas as escolas têm acesso as ações que os adolescentes desenvolvem. Para ele, conhecer a linguagem dos adolescentes é difícil, mas é um trabalho que tem recompensa. Sobre o encontro, Fernando explica que apesar de já ter participado de outras edições, tudo é novidade. “Parece que estou começando tudo de novo, porque tudo que a gente aprende aqui é novidade, e eu pretendo levar isso de volta pra minha cidade pra que eu possa trabalhar em conjunto.”

20ª edição do Encontro Estadual de Mobilizadores do Selo UNICEF / Foto: Xico Morais

O Oficial de Educação do Unicef no Brasil,  Sidney Vasconcelos, salientou que a iniciativa visa alimentar ainda mais o debate sobre a participação de adolescentes no processo democrático. “O grande propósito é reunir os municípios do Selo UNICEF na Paraíba é promover a troca, o intercâmbio de experiências e fazer com que os adolescentes presentes possam fortalecer ainda mais a participação deles no poder dos municípios, e fazer com que eles tenham vez e voz na criação e implementação de políticas públicas voltadas a essa faixa etária.”, comentou Sidney.

Sidney ainda explicou que as cidades que recebem a ação são as que conseguem melhorar nos indicadores sociais e garantir qualidade de vida pra seus meninos e meninas. Somente na Paraíba, 169 cidades estão envolvidos na iniciativa, juntamente com parceiros, como o Consulado Geral do Reino Unido. O evento acontece no Hotel Slaviero Essencial, que fica na Rua Senador Alencar Guimarães, 50, Centro.

No Brasil inteiro, o Selo UNICEF conta com a participação de mais de 1.900 municípios de 18 estados brasileiros, que assumiram o compromisso, junto ao UNICEF, de implantar políticas públicas que objetivam reduzir desigualdades e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e do Adolescente (ECA).

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.