Política

Romero anuncia redução de 20% da folha de CG

Redução vai acontecer apenas com prestadores de serviço.Medida é para economizar despesas.




O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), anunciou nesta sexta-feira (3) algumas medidas para conter gastos da administração municipal em 2014. A principal é a redução imediata de 20% da folha de prestadores de serviços. O anúncio de Romero foi feito durante uma reunião com todo o secretariado no Palácio do Bispo, sede do governo municipal.

Romero disse que economia será a palavra-chave da prefeitura em 2014. Segundo ele, é preciso muita cautela com a possibilidade de queda de receitas municipais, gerando a necessidade das medidas de austeridade. Além da redução da folha, Romero recomendou aos secretários o corte de despesas com diárias, combustíveis, compras em geral e horas extras.

“A economia será a ordem inicial neste ano de 2014, pois é preciso precaução, afinal ninguém sabe como será o comportamento de receitas municipais. A medida também é fundamental porque haverá a elevação mensal, estimada em quase R$ 800 mil por mês, em contrapartidas da administração para com a execução de muitas obras e novos investimentos na cidade”, afirmou o prefeito. Apesar dos cortes, Romero disse que os serviços públicos vão permanecer funcionando normalmente.

Romero ressaltou que adotará uma programação de remanejamento de servidores e a prefeitura fará também estudos para fusão de secretarias, que devem ser anunciadas até o final de janeiro.“Faremos a fusão de secretarias, tendo como meta economizar e, ao mesmo tempo, oferecer uma prestação de serviços de qualidade à população”, garantiu.

Diferente do que se esperava, Romero não anunciou a reforma administrativa no quadro de secretários e disse que não há data para isso acontecer. O prefeito, porém, anunciou que a primeira mudança será no comando do Procon municipal, pois o atual
coordenador, Floriano Brito Júnior, deixará o cargo para concluir um doutorado na Argentina, ficando em seu lugar o procurador adjunto Paulo Porto de Carvalho Júnior.

Durante o encontro, Romero Rodrigues assinou o projeto de lei garantindo a atualização salarial dos servidores municipais que ganham um salário mínimo mensal, beneficiando cerca de 60% dos funcionários da prefeitura.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.