Política

Patrimônio de 5 candidatos à Presidência representa 0,6% dos bens de João Amoêdo

Candidato do Novo ao Palácio do Planalto registra candidatura e declara patrimônio de R$ 425 milhões.




João Amoêdo registra candidatura à Presidência da República pelo Novo

Dos seis candidatos à Presidência da República que já pediram registro ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o mais rico é João Amoêdo (Novo). Ele declarou ter um patrimônio de R$ 425 milhões. Já a soma dos bens declarados dos cinco demais postulantes ao Palácio do Planalto não chega a R$ 3 milhões, o equivalente a 0,6% do patrimônio de Amoêdo.

Majoritários do PSOL na Paraíba declaram bens que somam de R$ 1,1 milhão

Os demais candidatos à Presidência são Cabo Daciolo (Patriota), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL) e Vera Lúcia (PSTU). Mais sete presidenciáveis vão registrar as candidaturas até quarta-feira (15), prazo final para entrega da documentação.

Bens de Amoêdo e vice

Engenheiro nascido no Rio de Janeiro, ele fez carreira como executivo do mercado financeiro e da construção civil. A maior parte do patrimônio de João Amoêdo (Novo) está distribuída entre aplicações de renda fixa (R$ 217 milhões), participação em empresas (R$ 108,4 milhões), investimento em fundos (R$ 55,3 milhões).

O restante inclui imóveis e veículos, além de R$ 1,1 milhão na categoria destinada a joias e obras de arte. O patrimônio do candidato garante, em tese, que pague as despesas de sua campanha, uma vez que o limite de gastos previstos em lei para o primeiro turno da campanha presidencial é de R$ 70 milhões por candidato. O candidato a vice-presidente na chapa de Amoêdo é Professor Christian (Novo). Ele declarou ao TSE um patrimônio de R$ 4,1 milhões.

Patrimônio dos presidenciáveis

Cabo Daciolo (Patriota): não declarou bens
Ciro Gomes (PDT): R$ 1,6 milhão
Geraldo Alckmin (PSDB), R$ 1,3 milhão
Guilherme Boulos (PSOL): R$ 15,4 mil
João Amoêdo (Novo): R$ 425 milhões
Vera Lúcia (PSTU): R$ 20 mil


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.