Política

TCE fará auditoria sobre valores de multas recolhidas pela Semob-JP

Serão analisadas as receitas referente ao ano de 2017.




A Superintendência de Transporte e Trânsito do Município (Semob) de João Pessoa passará por uma auditoria em suas receitas e despesas referentes ao ano 2017, conforme determinação do Tribunal de Contas do Estado da paraíba (TCE-PB).

O requerimento solicitando a auditoria foi apresentado pelo conselheiro Nominando Diniz, após denúncias enviadas a corte sobre a grande quantidade de radares eletrônicos (pardais) na capital

O requerimento foi aprovado por unanimidade pelos conselheiros. De acordo com Nominando Diniz, a Semob recolheu de janeiro a junho deste ano o valor de R$ 8 milhões em multas. “Houve uma denúncia indicando uma multiplicação de radares eletrônicos na cidade, até junho deste ano foram oito milhões arrecadados em multas em João Pessoa. A auditoria vai observar isso. Mas o tribunal quer saber também sobre a utilização destes valores”, disse o conselheiro.
 
O conselheiro antecipou que a auditoria deve ser iniciada na próxima semana e concluída no período de trinta dias. A autorização a Diretoria de Auditoria e Fiscalização da Corte (Diafi) para programação da Auditoria já foi determinada pelo presidente do TCE, o conselheiro André Carlo Torres Pontes.