Política


TCE reprova contas e imputa débito de R$ 66,1 mil a prefeita de São Vicente do Seridó

Problemas estão associados à realização de gastos não comprovados.




O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) reprovou durante sessão nesta quarta-feira (2) as contas de 2014 da prefeita de São Vicente do Seridó, Maria Graciete do Nascimento Dantas e impôs o débito de R$ 66.144,21 decorrente de despesas não comprovadas. 
 
O relator do processo foi o conselheiro substituto Antônio Gomes Vieira Filho. A decisão, no entanto, cabe recurso. Na mesma sessão, o TCE aprovou o pedido de vistas para análise das prestações de contas das Prefeituras de Picuí e Matinhas.
 
Projeto Cooperar
 
As contas do projeto Cooperar referente ao exercício de 2014 também foram analisadas durante a sessão e foram aprovadas com ressalvas, como propôs o relator Renato Sérgio Santiago Melo. Os conselheiros também aprovaram a prestação de contas das Câmaras Municipais de Pilar ( exercício 2015), Bayeux (2015 e 2016) e Nazarezinho (2016).