Política


Ricardo se reúne com APLP e promete concurso para professores

Governador disse que atende pedido da APLP após críticas à terceirização. 




Após iniciar o processo de contratação de uma empresa para gerir a Educação do estado, o governador Ricardo Coutinho (PSB) afirmou nesta quinta-feira (27) que pretende realizar concurso para os professores. O anúncio foi feito após reunião com representantes da Associação de Professores de Licenciatura Plena (APLP), na Granja Santana.

A proposta do concurso foi apresentada pelo presidente da APLP, Bartolomeu Pontes, e o governador disse que vai realizar um novo concurso para a categoria. “Eu vou me preparar para realizar o concurso. Recebi essa proposta agora, vou me organizar para isso e nós devemos fazer o concurso assim que os levantamentos forem concluídos. Enfim, o importante é que nós estamos fortalecendo a educação”, disse, garantindo que vai deixar o mandato no próximo ano com os professores ganhando o dobro.

Durante a audiência, Ricardo Coutinho voltou a reafirmar que a administração da educação através da gestão pactuada com Organizações Sociais (OS) não se trata de um processo de terceirização, mas tem como objetivo dar suporte à escola, sem tirar autonomia de professores e diretores. “Não tem conversa fiada de terceirização, de privatização de nada. O que tem é a implantação de direitos trabalhistas a quem hoje não tem absolutamente nenhum. Estou na contramão da precarização”, assegurou.