Política

Lula quer Ricardo em seu palanque nas eleições presidenciais em 2018

Ex-presidente também pretende retornar à Paraíba para inauguração do Eixo Norte. 




Com pretensões de retornar à presidência da República, o ex-presidente Lula (PT) revelou nesta quarta-feira (5) que espera ter o governador Ricardo Coutinho (PSB) como parceiro na disputa eleitoral em 2018. Em entrevista a uma rádio local, transmitida em sua página no Facebook, o petista rasgou elogios ao aliado político, que recentemente declarou não ter pretensões de deixar o governo do estado antes do fim do mandato, em dezembro de 2017.

“Ricardo é uma pessoa que tenho apreço extraordinário. Eu gosto muito dele. Acho um dos políticos mais sérios desse país e o povo da Paraíba deve ter muito orgulho dele. Por isso eu tenho certeza que vamos estar juntos nas próximas lutas neste país”, comentou Lula, que afirmou estar em uma maratona de exercícios físicos para apresentar uma candidatura competitiva. “Estou fazendo muita ginástica, me preparando porque quem quiser disputar vai ter que ter muito prepapro físico e mental”, completou.

A relação entre Lula e Ricardo Coutinho vem desde o período em que o segundo era militante do PT e se estreitou ainda mais com o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Contrário ao que chama de golpe contra a democracia, o governador do estado mobilizou organizações e movimentos sociais, além de partidos de esquerda em movimentos pela democracia. 

Mais recentemente, Lula e Ricardo realizaram a inauguração das obras do eixo leste da Transposição do Rio São Francisco. O ato político foi uma resposta ao fato de desconhecerem a legitimidade do governo do presidente Michel Temer, que inagurou a obra que havia sido executada em grande parte pela gestão petista. 

Lula adiantou nesta quarta-feira que pretende repetir a dobradinha com uma inaguração simbólica do Eixo Norte da Transposição das Águas do Rio São Francisco, iniciada neste mês de junho pelo governo federal.