Política

Apenas Luiz Couto vai votar na CCJ da Câmara em processo contra Temer

Pedro Cunha Lima, Efraim  Filho e Benjamin Maranhão são suplentes.  




Divulgação
Divulgação
Efraim Filho é suplente na CCJ, que vai recomendar a continuidade ou o arquivamento do processo contra o presidente

Quatro deputados federais da Paraíba integram a Comissão de Constituição e Justiça que responsável por votar um parecer recomendando a continuidade ou o arquivamento do processo contra o presidente da República, Michel Temer. Todavia, apenas Luiz Couto (PT) é titular.

O petista já adiantou que vai votar pela continuidade do processo contra o presidente. Já os deputados paraibanos Benjamin Maranhão (SD), Pedro Cunha Lima (PSDB) e Efraim Filho (DEM) são suplentes.
Nesta segunda-feira, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou nesta segunda-feira (26)

O presidente Michel Temer ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo crime de corrupção passiva. A acusação está baseada nas investigações iniciadas a partir do acordo de delação premiada da JBS. O áudio da conversa gravada pelo empresário Joesley Batista, um dos donos da empresa, com o presidente, em março, no Palácio do Jaburu, também é uma das provas usadas no processo.