Política

Governo do Estado, ALPB, prefeituras e CMJP antecipam metade do 13º salário

Servidores públicos vão brincar São João com metade da "gratificação junina" no bolso.   




Francisco França
Francisco França
Servidores estaduais e de prefeituras recebem metade do 13º salário e garantem pamonha e canjica do São João

Em ritmo de arrasta-pé, servidores do governo do Estado, da Assembleia Legislativa, de várias prefeituras da Paraíba e da Câmara Municipal de João Pessoa já têm garantidos o milho cozido, a pamonha, a canjica e a roupa de chita do São João Pessoa com o recebimento da metade do 13º salário, a chamada “gratificação junina”.

Câmara

Nesta terça-feira (13), o presidente da CMJP, vereador Marcos Vinícius (PSDB), determinou determinar o pagamento de metade do décimo terceiro salário. Receberam vereadores, servidores ativos, aposentados e pensionistas. Os comissionados irão receber na próxima sexta-feira (16). É a primeira vez que o Legislativo pessoense toma essa iniciativa, que vai injetar R$ 1,2 milhão na economia da capital paraibana.

Estado e UEPB

O pagamento da primeira parcela do 13º salário dos servidores estaduais ativos e inativos, incluindo ainda funcionários e professores da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), será efetuado pelo Governo do Estado nesta quarta-feira (14). Com isso, entram em circulação na economia paraibana mais de R$ 134 milhões.

De acordo com dados da Secretaria de Estado da Administração (Sead), o pagamento da primeira parcela do 13º salário aos servidores e professores da UEPB totaliza mais de R$ 7,49 milhões, além de R$ 127 milhões com os demais servidores. A antecipação foi anunciada na semana passada pelo governador Ricardo Coutinho.

Assembleias

Para esta quarta-feira (14), o presidente da ALPB, Gervásio Maia (PSB), anunciou o pagamento da 1ª parcela do 13° salário dos servidores da Casa de Epitácio Pessoa. Ele também promulgou o reajuste salarial de 3% dos servidores ativos e inativos do Poder Legislativo Estadual. O ato foi publicado nas edições do Diário do Poder Legislativo (DPL) e do Diário Oficial desta terça-feira (13).

Prefeituras

A Prefeitura de Sumé, no Cariri da Paraíba, iniciou nesta terça-feira (13) e termina nesta quarta-feira (14), o pagamento da primeira parcela do 13º salário dos servidores do município. São aproximadamente R$ 450 mil que vão circular na economia do município esta semana. O prefeito Éden Duarte (PMDB) também pretende efetuar o pagamento de salário do mês de junho.

João Pessoa

Na capital do Estado, o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) determinou o pagamento da primeira parcela do 13º salário para esta quarta-feira (14). Com a medida, serão injetados mais de R$ 88 milhões na economia da Capital, somando o desembolso mensal da folha, junto com o pagamento do décimo. A decisão atenderá a mais de 35 mil servidores efetivos, comissionados e pensionistas do poder público municipal.

O pagamento da folha do mês de junho será efetuado nos dias 29, para os aposentados e pensionistas, e 30 para os servidores da ativa. “Sabemos que o período junino aquece a economia das principais cidades do Nordeste. Com o pagamento antecipado do 13º, esperamos movimentar setores econômicos importantes, como o comércio e o de serviços”, disse. Apenas com a antecipação da primeira parcela do décimo, a prefeitura irá desembolsar mais de R$ 29 milhões.

Boa Vista

No Cariri paraibano, o prefeito de Boa Vista, André Gomes (PDT), determinou para esta quarta-feira (14) o pagamento de 50% do 13º, injetando cerca de R$ 330 mil na economia da cidade. “Com a política de racionalização de gastos públicos, priorizamos os servidores e as obras sociais. Nesta perspectiva, estamos pagando no dia 16 a metade do décimo terceiro salário. Além disso, vamos pagar a folha de junho dentro do mês trabalhado, como vem ocorrendo desde o início da nossa gestão”, explicou André nesta terça-feira (6). A antecipação em Boa Vista será feita pelo nono ano consecutivo.

Monteiro

A prefeita municipal de Monteiro, Anna Lorena (PSDB), revelou que vai antecipar 50% da “gratificação junina”, dia 23 de junho, quando começam às atrações artísticas do São João na cidade. Já a folha do mês será paga no dia 23. Com o pagamento da folha de pessoal do mês de junho e mais a meta do 13º, serão injetados mais de R$ 3 milhões na economia Municipal, aquecendo o comércio local.